Você sabe a relação de um lavador de veículos com a contaminação ambiental?

Pode parecer inocente, mas a lavagem de automóveis de maneira inadequada, pode comprometer o meio ambiente. Isso porque essa prática consome uma quantidade elevada de água. Estima-se que são gastos em média 150 a 250 L de água por lavagem de automóvel, volume que, segundo a ONU, é suficiente para atender às necessidades básicas durante 24 horas de apenas uma pessoa.

 

CONTAMINAÇÃO AMBIENTAL

Além do consumo elevado de água, a atividade apresenta a utilização de produtos químicos, graxas, óleo lubrificante, além de fuligem, restos de poeira proveniente da limpeza das peças do automóvel, sendo que essas substâncias em conjunto são tóxicas. De acordo com a ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas (NBR-10004), o óleo lubrificante apresenta ácidos orgânicos e metais pesados, caracterizando-se como resíduo perigoso. Sendo que essa água contaminada pode atingir o solo, o lençol freático, rios, lagos, etc.
Além dos resíduos líquidos, a atividade pode gerar resíduos sólidos (estopas contaminadas), os quais devem ser encaminhados para aterro industrial, para evitar a contaminação do solo.

LAVADOR DE VEÍCULOS E MEIO AMBIENTE

Para o consumidor, é importante verificar se o lavador de veículos apresenta licenciamento ambiental, pois isso irá garantir e dará segurança de que o empreendimento está em conformidade ambiental, com destinação adequada de resíduos líquidos e sólidos.
Para o empreendedor que apresenta um lavador de veículos, uma das alternativas para viabilizar ambientalmente e economicamente essa atividade, é a instalação de sistemas de tratamento de reuso de água. Além disso, recomenda-se a instalação de cisternas, para reaproveitamento da água da chuva na lavagem de veículos.

Quer saber mais? Conte com a Saara & Cé Engenharia, pelo telefone: (45) 9808-0010.

 

Este artigo foi escrito pelas engenheiras ambientais Bruna Saara e Ana Cé para Redação Portal O Vento: seu novo canal de informação.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *